Marketing Local: o quê, por quê, como

 

As principais tendências em marketing para 2016, as novas tecnologias e novos produtos foram crescente neste ano e as audiências estão fragmentadas em centenas de diferentes meios de comunicação, aplicativos, plataformas, mecanismos de busca, sites de mídia social e produtos de listagem de empresas.

No entanto, a tecnologia está em constante evolução e a forma como a mídia é acessada e consumida é continua, e chega a ser crítico para as empresas que não a usarem a tecnologia para se manter competitivo. Veja como as grandes empresas têm investido cada vez mais em recursos para utilizar cada nova inovação do Marketing Digital e o Marketing Local para chegar a todos os canais de mídia disponíveis.

 

marketing-local-sistemasvirtuais

Marketing Local pode ser definido como o Marketing direcionado para o seu público alvo da região de atuação, diferentemente do Marketing tradicional, onde às vezes uma propaganda pode não fazer sentido para uma determinada região por que o ambiente da propaganda é totalmente diferente da realidade.

Com o Marketing Local o público sente-se mais próximo da proposta da propaganda, ou seja, a chance da sua propaganda afetar o usuário é muito maior, além de criar uma relação de confiança com a Empresa, já que ele sabe que a Empresa atua na sua Região.

Ele também atende as necessidades dos principais clientes de uma empresa: os varejistas, que preferem produtos que tenham mais haver com a região em que atuam.

Para o negócio local, em vez de ser um gancho de todos os comércios, fazer algumas coisas bem pode ser mais produtivo. Para muitos, a simplificação da sua estratégia de marketing pode tornar possível tirar proveito das novas tecnologias.

As mídias sociais têm o seu valor no espaço de busca para ajudar os consumidores a encontrar novos negócios locais.

 

Facebook pode ser uma boa funcionalidade para se procurar por empresas locais em sua plataforma atual.

Pinterest e Instagram são plataformas sociais orientadas graficamente que são propícias para a descoberta de novos produtos de varejo, alimentos e bens de Consumo.

Google+ é sua sua melhor opção para lhe ajudar com informações localmente, além de disponibilizar informações tanto no Google Meu Negócio e no Google Maps gratuitamente.

 

As PMEs podem ser melhores criando pouco de conteúdo mas de alta qualidade que podem compartilhar em todos os canais de mídia, em vez de personalizar o conteúdo de cada canal o que lhe demanda tempo e tende a desatenção.
Informações desatualizadas ou imprecisas correm o risco de perder clientes e é uma má reflexão sobre o negócio. Nesse caso, pode ser melhor não ter uma presença na mídia social, pois as pessoas estão sempre em busca de novidades e novas informações.

Um estudo realizado pelo Google demonstrou não houve correlação real entre o uso de mídia e influência. Em outras palavras, apenas porque um monte de pessoas usam o Facebook ou clique em seu site de negócios, isso não significa que eles vão comprar de você. O que importa é a experiência do consumidor e o conteúdo correspondente com o que os consumidores querem ou precisam.

Alternativamente, use suas páginas de mídia social como uma lista aprimorada e redirecione novos seguidores e ou qualquer tráfego para um conteúdo que seja constantemente atualizado, como o site, onde a experiência do consumidor corresponde à experiência que você deseja que eles tenham em seu site ou na sua loja.

 

Os consumidores de hoje enfrentam uma sobrecarga de informação que desordena a tomada de decisões.

No mundo atual de dados, perfis muito detalhados podem ser criados e direcionados. Quanto mais você souber sobre o seu cliente ideal, melhor para você pode entregar resultados de pesquisa relevantes e publicidade.

Forneça opções simples em listagens aprimoradas incluindo rotas, mapas, números de telefone, pedidos de reservas on-line e horários de funcionamento. Um link para seu site ajudará aqueles que precisam de informações mais detalhadas.

Isso significa que quando os anúncios de pesquisa pagos são exibidos, eles não são direcionados apenas por palavras-chave, mas por muitos outros fatores, como geografia, dados demográficos, histórico de pesquisas anteriores e outras informações específicas do perfil do usuário.

Solicite um orçamento, será um prazer lhe ajudar a simplificar sua estratégia de marketing local